Instituto Pensar - Novo chanceler anuncia que adotar√° ?diplomacia da sa√ļde

Novo chanceler anuncia que adotar√° ?diplomacia da sa√ļde?

por: Lucas Nanini 


Foto: Itamatary/Reprodução

O novo ministro das Rela√ß√Ķes Exteriores, Carlos Alberto Fran√ßa, tomou posse nesta ter√ßa-feira (6). Em seu primeiro discurso, o chanceler acenou para diversas mudan√ßas de rumo em rela√ß√£o ao seu antecessor, dizendo que o Itamaraty far√° uma "verdadeira diplomacia da sa√ļde?. Ele assumiu em lugar de Ernesto Ara√ļjo, que deixou o governo ap√≥s ser alvo de severas cr√≠ticas, especialmente na atua√ß√£o frente a assuntos relacionados √† pandemia da Covid-19.

Leia tamb√©m: Para Ernesto Ara√ļjo, √© ?terrivelmente injusto? considerar Brasil amea√ßa global

O ato de transmiss√£o do cargo do novo chanceler foi fechado √† imprensa e n√£o teve veicula√ß√£o em tempo real. Posteriormente, o Minist√©rio das Rela√ß√Ķes Exteriores divulgou o conte√ļdo do discurso nos portais do governo.

Novo chanceler muda o tom

França assume a pasta adotando um tom mais conciliador, em contraponto ao antecessor. A ruptura com o modelo de gestão de seu antecessor ficou evidente em diversos pontos do discurso de França.

O novo chanceler reconheceu que √© preciso intensificar e aumentar as a√ß√Ķes de articula√ß√£o n√£o apenas nas rela√ß√Ķes com outros pa√≠ses, mas tamb√©m √≥rg√£os p√ļblicos, como o Congresso Nacional. √Č importante lembrar que algumas das principais cr√≠ticas a Ernesto Ara√ļjo vieram justamente da C√Ęmara dos Deputados e do Senado.

Antes mesmo de assumir, o novo ministro j√° se reuniu com os presidentes das comiss√Ķes de Rela√ß√Ķes Exteriores da C√Ęmara Federal e do Senado. O gesto √© uma tentativa clara de aproxima√ß√£o do Legislativo, para minimizar os efeitos negativos da atua√ß√£o do antigo chanceler.

Momento de urgências

Al√©m das quest√Ķes envolvendo a √°rea da sa√ļde, o novo ministro citou duas "urg√™ncias? como primeiras frentes de trabalho da pasta.

"O momento √© de urg√™ncias. E o presidente Bolsonaro instruiu-me a enfrent√°-las. Essa √© a nossa miss√£o mais imediata. Sublinho aqui tr√™s delas: a urg√™ncia no campo da sa√ļde, a urg√™ncia da economia e a urg√™ncia do desenvolvimento sustent√°vel.?
Carlos Alberto França

Sobre a quest√£o do meio ambiente, cuja atua√ß√£o do antigo ministro tamb√©m foi criticada, o novo ministro afirmou que h√° uma "urg√™ncia em outra escala de tempo ? mas √© urg√™ncia?. Ara√ļjo chegou a questionar diversas vezes sobre haver mudan√ßas no clima causadas pela a√ß√£o do homem, mencionando uma suposta "ditadura clim√°tica? no mundo.

Mesmo reconhecendo a urg√™ncia do tema, que rende cr√≠ticas ao Brasil de lideran√ßas de todo o mundo, Fran√ßa defendeu a atua√ß√£o do pa√≠s, que, segundo ele, "est√° na coluna das solu√ß√Ķes? quando se trata de desenvolvimento sustent√°vel. O ministro mencionou pontos como a matriz energ√©tica predominantemente renov√°vel, uma "das mais rigorosas? legisla√ß√£o ambiental e uma produ√ß√£o agropecu√°ria com a "marca da sustentabilidade?.

A quest√£o clim√°tica foi um ponto de atrito do Brasil com o governo dos EUA desde que o democrata Joe Biden assumiu a presid√™ncia. O chefe de estado estadunidense tem no combate √†s mudan√ßas clim√°ticas uma de suas bandeiras. Autoridades da Casa Branca mant√™m conversas com o Brasil sobre o desmatamento na Amaz√īnia.

Di√°logo se imp√Ķe

O novo ministro tamb√©m afirmou que "o di√°logo se imp√Ķe? com a "vizinhan√ßa?, em uma clara refer√™ncia √† Argentina, com quem o Brasil tem uma rela√ß√£o turbulenta desde a elei√ß√£o do presidente Alberto Fern√°ndez, em 2019. Fran√ßa mencinou os acordos nucleares com os argentinos, dizendo que s√£o "s√≠mbolo do predom√≠nio da coopera√ß√£o sobre a rivalidade?.

"O Mercosul, que também completa três décadas, representa uma etapa construtiva da integração com nossos vizinhos. E é preciso ir além, abrindo novas oportunidades.?
Carlos Alberto Fran√ßa, ministro das Rela√ß√Ķes Exteriores

Com informa√ß√Ķes do UOL e de O Globo



0 Coment√°rio:


Nome: Em:
Mensagem: