Instituto Pensar - 18º Anuário Brasileiro da Economia, Turismo e Meio Ambiente será lançado em Brasília

18º Anuário Brasileiro da Economia, Turismo e Meio Ambiente será lançado em Brasília

A publicação bilíngue de 332 páginas será lançada em Brasília, no dia 14 de março, durante um coquetel na Associação Comercial do Distrito Federal (ACDF) e terá 150 mil exemplares distribuídos em mais de 20 países.

A 18ª edição do Anuário Brasileiro da Economia, Turismo e Meio Ambiente reúne os principais acontecimentos e dados em diversas áreas do país em 2017. A publicação bilíngue de 332 páginas será lançada em Brasília, no dia 14 de março, durante um coquetel na Associação Comercial do Distrito Federal (ACDF) e terá 150 mil exemplares distribuídos em mais de 20 países, além dos quase 300 mil distribuídos em todo o Brasil.

“Além de um registro histórico do que o país viveu no último ano, o Anuário é um guia para estudiosos e cientistas sobre o que podemos esperar do futuro do nosso país, podendo embasar, inclusive, grandes decisões envolvendo outras nações e empresas multinacionais”, explica Paulo Fayad, idealizador e diretor da Voz de Brasília, editora responsável pelo Anuário Brasileiro.

O Anuário Brasileiro traz dados e estudos em diversas áreas como Educação, Turismo, Economia, Saúde, Meio Ambiente, Sustentabilidade, Tecnologia Cultura, Energia, Trabalho, Construção Civil e outros.

Entre os destaque dos dados em Educação em 2017 está o número de crianças de 0 a 3 anos que frequentaram a escola; dados sobre alunos com deficiência matriculados em classes comuns e o índice de crianças de 4 e 5 anos que frequentam a escola.

Em turismo é possível conferir como anda a divisão na procura de viagens dentro do país por regiões, o comportamento do turista brasileiro e os destinos mais buscados pelos brasileiros em viagens internacionais.

Em Economia, muitos são os destaques, como o recorde de vendas no primeiro semestre em 29 anos, a evolução na taxa básica de juros, a variação do Produto Interno Bruto (PIB) dos países e a lista das 500 maiores empresas do Brasil.

Os dados e estatísticas publicados foram colhidos junto aos ministérios, órgãos públicos, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e entidades representativas como Confederação Nacional da Indústria (CNI), Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) e Confederação Nacional do Transporte (CNT).

“Nesta edição trazemos ainda uma reportagem especial sobre a Lava-Jato e seus impactos, com dados e estatísticas do que aconteceu em 2017. Além de entrevistas exclusivas com ministros, economistas, jornalistas e empresários, que interpretam o pensamento político e econômico do país, possibilitando uma análise qualitativa e quantitativa do mercado como um todo”, antecipa Fayad.

O Anuário Brasileiro é patrocinado pela CAIXA Econômica Federal e tem apoio do BRB CARD, Correios, CNI, Governo de Pernambuco, Governo do Distrito Federal, Federação Brasileira de Bancos (Febraban) e Governo Federal.

Sobre o Anuário Brasileiro – Circulando ininterruptamente há 18 anos, o Anuário Brasileiro foi criado para que o leitor cotidiano e o leitor empresarial, brasileiros ou não, pudessem ter em mãos uma publicação que servisse como um mapa nacional, reunindo dados econômicos, estatísticos e populacionais do país, auxiliando ainda o investidor do mercado nacional e internacional. Ao longo de quase duas décadas, a publicação já foi condecorada com diversos prêmios, diplomas e medalhas.

Fonte: Blog Edson Sombra

Versão digital da 18ª edição do Anuário Brasileiro de Economia, Turismo e Meio Ambiente.



0 Comentário:


Nome: Em:
Mensagem: